Comunicado

"Pela troca de servidores, o Portal da Transparência da Câmara Municipal de Parnamirim estará fora do ar até as 16:00 horas de hoje, dia 2 de junho de 2016. Pedimos sinceras desculpas pelo transtorno."

Incentivo ao esporte amador é cobrado em audiência pública na Câmara

O esporte amador foi tema de audiência pública na noite desta quarta-feira (9) na Câmara Municipal de Parnamirim. Desportistas das mais diferentes modalidades esportivas do município, vereadores, secretários municipais e demais autoridades se reuniram para debater as dificuldades enfrentadas pelo esporte amador. A ação foi proposta pela vereadora professora Nilda (PRP). 

Professora Nilda presidiu a audiência. Ela iniciou seu discurso ressaltando a importância da temática. “Esta noite é de tamanha relevância para o esporte de nossa cidade. Estamos aqui ouvindo  os envolvidos em diversas categorias desportistas para que possamos fomentar as discussões em prol das melhorias que o esporte amador necessita urgentemente, pois é preciso aliar esporte e educação como ferramenta para livrá-los das drogas e criminalidade”, disse a vereadora. 

Em seguida, o judoca Carlos Henrique, de 11 anos, morador de Pium, no litoral de Parnamirim, recebeu uma homenagem da Câmara pela conquista das duas medalhas de bronze, recebidas no Campeonato Sul Americano e Pan Americano de Judô, em Lima, no Peru.

Com um formato diferente de audiências anteriores, a ação possibilitou a alternância de discursos entre as autoridades e plateia no início. Além dos desportistas, gestores públicos, dirigentes de centros desportivos, federações e população, cobraram melhorias em infraestrutura de ginásios poliesportivos, quadras de esportes, conclusão de centros esportivas e incentivos para todas as modalidades esportivas em Parnamirim. 

O secretário municipal de Esportes e Lazer, Ricardo Wagner, falou do esforço que a prefeitura tem feito para apoiar a promoção do esporte diante das dificuldades financeiras. “Não baixamos a cabeça em nenhum momento diante desse cenário difícil em que o município atravessa. Exemplo disso foi à realização dos jogos escolares da juventude que envolveu mais 1,5 mil jovens e 40 escolas da cidade no último mês. Além disso, estamos estudando a criação da escola municipal de esporte Parnamirim(EMEP) que vai envolver alunos de 7 a 17 anos em várias modalidades esportivas em parceria com a Secretaria de Educação”, anunciou o titular da pasta. 

Representando os paratletas de Parnamirim, a educadora física  Wilma Farkatt, cobrou uma atenção especial aos atletas com deficiência do município. “Desde 2009, realizamos um trabalho que primeiro reabilita, e depois insere o aluno paradesporto. Hoje são 54 crianças envolvidas em modalidades paralímpicas que recebem o apoio da prefeitura. Mas é preciso que as demais instituições e poderes tenham um olhar diferenciado para os paratletas da cidade”, reforçou Wilma. 

A ação também reuniu a ex-atleta olímpica Magnólia Figueiredo, o deputado estadual Carlos Augusto, a secretária municipal de educação, Francisca Henrique, além dos vereadores professor Ítalo, Binho de Ambrósio, Gustavo Negócio, Vandilma Oliveira, Ana Michele e Fativan Alves. 

VOLTAR